III Encontro da Rede Nacional dos Grupos de Consumo Responsável fortalece ações coletivas

Participantes do III Encontro Nacional dos GCRs

Participantes do III Encontro Nacional dos GCRs

Neste último fim de semana, de 7 a 9 de agosto de 2015, aconteceu o III Encontro da Rede Nacional de Grupos de Consumo Responsável, em São Pedro, interior de São Paulo. O evento foi muito rico e contou com representantes de 22 Grupos de Consumo Resposável (GCR) dos estados de São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Ceará, Bahia, Amazonas e Mato Grosso. Muita diversidade e muita coisa em comum, principalmente a vontade de fazer do consumo um ato político e transformador em busca de uma sociedade mais justa.

O evento foi organizado pelo Kairós e contou com várias atividades, dentre as quais:

  • Apresentação do resgate sobre o histórico da Rede Nacional de GCR;
  • Trocas de experiências e debates sobre os desafios e conquistas dos GCRs ao longo do tempo;
  • Apresentações de trabalhos realizados pelo Kairós em parceria com alguns GCRs que atuam como “Bases de Serviço em economia solidaria”, dentro do projeto com a Senaes/MTE, como estudos de viabilidade econômica, plano de logística e pesquisa comparativa de preços de hortalicas em cidades de diversas regiões do pais, esta última a ser lançada em breve;
  • Bate-papo com produtores do Rede Guandu (GCR de Piracicaba) sobre como é participar de um GCR;
  • Avaliação e continuidade do software para os GCR, disponível no Cirandas.net a partir da criação de uma comunidade, utilizado pelos GCRs: Bem da Terra/RS, Uilikandé/SP, Rede Agroecologica Caiçara/SP; ComerAtivaMente/SP e RedeMoinho/BA;
  • Apresentação do Portal do Consumo Responsável, em desenvolvimento pela Cooperativa EITA, que pretende ser um espaço para busca de práticas, portal de notícias e acervo de materiais sobre o tema, além de estar linkado à um aplicativo de celular – o Responsa – para integração das práticas e busca de produtos e serviços em todo o país, que segue em pré-teste;
  • Participação dos GCRs no Sistema Nacional do Comércio Justo e Solidário (SCJS) e cadastro no CADSol (Cadastro Nacional de Empreendimentos Econômicos Solidários);
  • Debate sobre a identidade nos termos consumo responsável e Grupo de Consumo Responsável, buscando um vínculo mais permanente e a possibilidade de mais ações em conjunto;
  • E ao final do encontro houve uma plenária de encaminhamentos, em temas como: agendas, logística conjunta; coordenação, continuidade e modo de integração à Rede.

Dentre os destaque dos debates, além da interação constante, foi a percepção de que a Rede já acumula diversas ações em conjunto e pretende aprofundar as mesmas, como a realização de outras pesquisas e levantamentos conjuntos sobre o tema; e a troca de experiências e aprendizados frente aos desafios comuns relacionados à continuidade e crescimento das práticas. A reflexão sobre as identidades presentes tambem abriu um quadro amplo que contempla uma transversalidade de lutas e de ações junto à movimentos sociais diversos (como economia solidária, agroecologia e reforma agrária). Durante a discussão afloraram aspectos como a critica ao padrão de consumo e produção dominantes, ao monopólio e contaminação na agricultura pelas grandes empresas e a necessidade de buscar aproximar mais aliados para a proposta do consumo responsável, popularizando-o, sejam consumidores, grupos e agricultores, num exercicio político de pratica diária.

Os 22 GCR presentes foram: de São Paulo – Coletivo de Consumo Rural Urbano (CCRU), Coletivo de Consumo Rural Urbano – Solidariedade Organica (CCRU Solo), ComerAtivaMente, Consumo Consciente ABC, CSA Brasil, Direto da Roça, Movimento de Integração Campo Cidade (MICC), Rede Agroecológica Caiçara, Rede Agroecológica de São Carlos, Rede Guandu, Rede Trem Bão, Trocas Verdes, Uilikandé; do Rio de Janeiro – Rede Ecológica; do Ceará – Grupo de Consumidores Responsáveis do Benfica; do Rio Grande do Sul – Feira Virtual Bem da Terra; da Bahia – RedeMoinho; do Amazonas – Rede Tapiri; de Minas Gerais – Rede Terra Viva, Raízes da Mata; do Mato Grosso – Sistema Canteiros de Comercialização Sociossolidária Agroecologica (Cantasol), Sistema de Comercialização Solidária (SISCOS); além da participação do Faces do Brasil e Cooperativa Eita.

Confira as fotos do III Encontro da Rede Nacional de GCRs.

Para mais informações acesse:

Canal no youtube com acervo de vídeos dos GCRs

Mapa atualizado da Rede

Compilado com notícias e materiais sobre os GCRs

 

Deixe uma resposta

*